Em ótima companhia em qualquer lugar
Rádio Difusão, a sua melhor escolha
Sintonize conosco e fique por dentro de tudo
Ouça os melhores lançamentos musicais
Domingo Campeiro
Apresentação
Paulo Frizzo e Docimar Schmidt
A Voz da Libertação
Produção e apresentação
Igreja Pentecostal Deus é Amor
PUBLICIDADE

Senado aprova regulamentação da equoterapia como método de reabilitação

Publicado 15/04/2019 às 10:58
Patronato São José  desenvolve trabalho de equoterapia em Erechim   |   Foto: Maria Lucia Carraro Smaniotto

Patronato São José desenvolve trabalho de equoterapia em Erechim    |    Foto: Maria Lucia Carraro Smaniotto

O ano de 2019, em que a Associação Nacional de Equoterapia (ANDE-Brasil) comemora o seu 30º aniversário, agora também representa um grande marco para a técnica. Na terça-feira, 9 de abril, o Senado aprovou a regulamentação da Equoterapia como método de reabilitação de pessoas com deficiência.

O autor da proposta, senador Flávio Arns, ressalta que a interação com o cavalo, o ato de montar e o manuseio final, desenvolve novas formas de socialização, autoconfiança e autoestima. O texto aprovado agora segue para sanção da Presidência da República.

Em Erechim (RS), o Patronato Agrícola e Profissional São José desenvolve o Projeto Fortalecer Equoterapia, e hoje atende cerca de 45 pessoas. A instituição obteve o Certificado de Agregação concedido pela ANDE-Brasil, que a autoriza a oferecer a prática. O reconhecimento foi concedido pois o patronato conta com equipe multiprofissional capacitada e cumpre com todas as exigências de filiação à ANDE-Brasil.

“O projeto de regulamentação é importante, pois a equoterapia funciona muito bem, constituindo-se em um método que traz grandes benefícios e melhoras visíveis a quem a pratica”, finaliza o diretor-presidente do Patronato, Edson De Geroni.

PUBLICIDADE