Em ótima companhia em qualquer lugar
Rádio Difusão, a sua melhor escolha
Sintonize conosco e fique por dentro de tudo
Ouça os melhores lançamentos musicais

Com a derrota em Pato Branco, Atlântico se despede da LNF 2019

Publicado 7/10/2019 às 12:02
Foto: Atlântico/Imprensa

Fotos: Edson Castro/Atlântico Imprensa

Não deu! Este foi o sentimento que ficou para o Atlântico, no último domingo, 6, em Pato Branco (PR). O clube perdeu para o Pato Futsal o jogo da volta pelas oitavas de final da Liga Nacional de Futsal (LNF). No tempo normal, os donos da casa precisavam vencer para reverter a vantagem conquistada pelo Galo em Erechim. E assim fizeram, por 3 a 1. Depois, na prorrogação, novamente o Pato esteve melhor e fechou o placar em 7 a 1.

O Pato, atual campeão, segue adiante na competição. O Atlântico, que foi vice-campeão na última temporada, segue agora com foco na Liga Gaúcha de Futsal (LGF).

O jogo
Atuando em casa e com grande apoio do torcedor, que lotou o ginásio Dolivar Lavarda, o Pato buscava tomar a iniciativa do jogo. Aos 13min32, em cruzamento pela direita, Neguinho apareceu na frente da marcação e fez 1 a 0 para os donos da casa.
O primeiro tempo, apesar das tentativas das duas equipes, terminou mesmo em 1 a 0.

Na volta para a etapa final, o Atlântico se mostrou mais ofensivo e chegou ao gol de empate aos 8min03. Após cobrança de escanteio, a bola sobrou na área para Gessé tocar e fazer 1 a 1.

A reta final do jogo foi bastante movimentada. O Pato passou a atuar com goleiro linha e conseguiu voltar crescer no placar aos 18min59, quando Jhow marcou. A partir daí, foi o Atlântico que entrou com goleiro linha, já que o empate no tempo normal o classificaria.

Mas o Pato conseguiu fazer o terceiro gol aos 19min27, novamente de Jhow. O 3 a 1 para o Pato no tempo normal levou a decisão para a prorrogação, já que em Erechim o Galo havia vencido por 4 a 3.

No tempo extra, o Pato ampliou a vantagem a 1min22, quando Peru fez o primeiro na prorrogação, o quarto dos donos da casa.

O Atlântico passou então a atuar com goleiro linha, mas o dia não rendeu outros acertos. O Pato marcou mais três gols e fechou o placar em 7 a 1, com assinaturas de Jhow, a 1min45 da segunda etapa; Tom, aos 3min53, e finalmente com Robério, aos 3min53.

PUBLICIDADE