Em ótima companhia em qualquer lugar
Rádio Difusão, a sua melhor escolha
Sintonize conosco e fique por dentro de tudo
Ouça os melhores lançamentos musicais

Campanha da Creral recebe lacres e tampinhas arrecadadas pela Escola Ângelo Granzotto e UERGS

Publicado 6/12/2019 às 11:27
Alunos da EEEF Ângeo Granzotto com as tampinhas e os lacres arrecadados   |  Fotos: Creral/Imprensa

Alunos da Escola Ângelo Granzotto com as tampinhas e os lacres arrecadados | Fotos: Creral/Imprensa

A campanha Um lacre aqui, uma ajuda ali, promovida pela Creral para marcar os seus 50 anos, despertou grande adesão. A iniciativa é prol do meio ambiente e também do cuidado das pessoas, pois doará 50 cadeiras de rodas a quem precisa. Como o bem gera o bem, a comunidade se empenhou no recolhimento de lacres de alumínio e tampinhas plásticas. E muitas escolas que a cooperativa atua realizaram ações junto aos seus professores e alunos e aliaram explicações sobre o cuidado ao meio ambiente.

Para citar dois exemplos, em Sananduva (RS), os estudantes da Escola Estadual de Ensino Fundamental Ângelo Granzotto, com o apoio de educadores e funcionários, coletaram aproximadamente 12 kg de tampinhas e 3 kg de lacres de alumínio.

Gerente comercial da Creral de Sananduva, Zelci Guzzo, esteve na UERGS, representando a Creral, para receber as doações.

Projeto #Lacração, da UERGS, repassou à campanha cerca de 70 Kg de tampinhas e 10 kg de lacres

E os acadêmicos do curso de Agronomia da Universidade Estadual do Rio Grande do Sul (UERGS) tinham um projeto parecido, chamado #Lacração e coordenado pelo professor Ernane Pfüffle. Assim, quando souberam da iniciativa da Creral resolveram doar o que já haviam arrecadado com auxílio dos estudantes de Administração e Gestão Ambiental, dos professores e funcionários. E foi bastante: cerca de 70 kg de tampinhas plásticas e mais de 10 kg de lacres de alumínio.

A campanha Um lacre aqui, uma ajuda ali encerrou no dia 30 de novembro. Durante o mês de dezembro será contabilizado o total arrecadado e definido, em uma reunião com os conselheiros e a direção, para qual entidade serão entregues os lacres e tampinhas. E, ainda, será discutido sobre as doações das 50 cadeiras de rodas.

PUBLICIDADE